Judô

O judô é um dos esportes orientais mais conhecidos, ensinado em academias e clubes e reconhecido como o jogo da cordialidade das lutas marciais, não sendo relacionado a qualquer tipo violência. Pode ser praticado por pessoas de todas as idades. Mas lembre-se sempre de procurar o seu médico antes de iniciar qualquer tipo de atividade física.

Um pouco de história

O judô foi criado no Japão em 1882 pelo jovem professor de educação física Jigoro Kano, de apenas 23 anos, a partir de uma adaptação do jiu-jitsu. O esporte visava a educação de jovens e seus ensinamentos eram baseados nos conceitos de serenidade, simplicidade e fortalecimento do caráter. O judô tornou-se um esporte olímpico nas Olimpíadas de Tóquio, em 1964, e atualmente é praticado em cerca de 180 países.

A chegada do judô no Brasil apresenta datas controversas: 1908, 1915, 1922, 1940. Para a Confederação Brasileira de Judô, o esporte foi apresentado no país por volta de 1922 por Eisei Maeda, também conhecido como Conde de Koma, que fazia apresentações da arte marcial em vários Estados brasileiros. O judô no Brasil foi impulsionado também com a fundação da Academia Ogawa, do professor japonês Riuzo Ogawa, que liderava um grupo de japoneses que chegou ao país no ano de 1938.

O esporte é praticado em academias e clubes em todo o território nacional, em especial em São Paulo, por tratar da maior concentração de japoneses do país.

Principais características e benefícios

O objetivo do judô é conquistar o ponto completo, chamado “Ippon”. O Ippon é conquistado quando um judoca consegue derrubar o adversário, imobilizando-o, com as costas ou ombros no chão durante 30 segundos. Quando o Ippon é concretizado o combate se encerra.

Outra forma de conquistar o ippon é pela obtenção de dois “Wazari”, que valem meio ponto. No Wazari o adversário cai sem ficar com os dois ombros no tatame. Outras formas de pontuação são o “Yuko”, quando o adversário cai de lado e o “Koka”, quando o oponente cai sentado.

O Judô tem como filosofia integrar corpo e mente, por isso seus benefícios são inúmeros, não só do ponto de vista do preparo físico, mas também do equilíbrio psíquico e na formação do caráter do atleta.

Quem pratica o judô pode se beneficiar de uma atividade que prima pelo controle muscular e aperfeiçoamento do reflexo, desenvolve o raciocínio, fortalece a auto-confiança e estimula conceitos importantes para a sociedade como o respeito ao próximo, a humildade e a disciplina.

Dicas e cuidados

  • Por ser um esporte de contato físico e de impacto, o Judô requer alguns cuidados, principalmente com os ombros, normalmente os primeiros a atingir o chão. É recomendado um fortalecimento físico na região para evitar lesões.
  • No judô não são permitidos golpes no rosto ou que possam provocar lesões no pescoço ou vértebras, mas ainda assim recomenda-se o uso de protetor bucal de intensidade média para uma prática mais segura.
  • É recomendado beber água regularmente durante a atividade.

Curiosidades

Os quimonos evoluíram para o desenho atual entre 1905 e 1908. Antes, eles tinham mangas e calças curtas.

As categorias de peso foram adotadas após a derrota de 3 japoneses favoritos no campeonato mundial de 1961 no Japão pelo holandês Antonius Geensik, de 115kg. Até então, acreditava-se que equilíbrio ¬ físico e emocional dava a vitória ao lutador, mesmo que ele fosse menor e mais fraco que seu oponente.

Embora seja um esporte olímpico desde 1969, a modalidade para mulheres foi aceita oficialmente pelo COI (Comitê Olímpico Internacional) apenas nas olimpíadas de Barcelona no ano de 1992.

Saiba mais

Consulte sempre o seu médico. É de fundamental importância certificar-se que você pode se exercitar sem riscos. Ele é o profissional adequado para orientá-lo quanto a melhor prática esportiva de acordo com seu perfil e objetivos de saúde.

Controle sua Diabetes.
Aprenda algo novo.

Assine ao Mudando Diabetes por email
Faça como mais de 5.300 pessoas
e receba nossas novidades!

Deixe um comentário

Controle sua Diabetes.
Aprenda algo novo.

Assine ao Mudando Diabetes por email
Faça como mais de 5.300 pessoas
e receba nossas novidades!